Loading...

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

O fado é triste e triunfante



O Fado é assim, pesado e amargo
Cantem fadistas com este sentimento
Degustem as lágrimas, sabor salgado
Não deem lugar ao fingimento

Perfurado por uma lança
Espetada por quem te ama
O fado é assim, não se dança
É Amor que arde numa chama

Venha dai esse sofrimento
Quero vê-lo bem às claras
Sou um forcado sem alento
Mas tomo o toro de caras

Triste é este mundo de traição
Pesado e sem sentido
Que grande a dor de coração
A repentina estocada dum amigo

Sou assim, ingénuo e confiante
Alma simples, coração puro
Tu traidor e dominante
De coração frio e duro

No vinho tinto como o sangue
As tuas traições afogarei
Mas como o magoado amante
Com o fado, triunfarei


Sem comentários:

Enviar um comentário