Loading...

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Não são melões

Sentado fico
E espero com dois ou três encima
É tinto, e é de noite
Entras, finalmente
Não são melões que trazes
Porque os melões não abanam
Encho o teu copo que tanto esperou por ti
e
finalmente,
olhas-me
e esses olhos comandam-me
atrevidos como este vinho carrasqueiro
brindamos
com alguma força
e a noite estende-se

Sem comentários:

Enviar um comentário